Doce


Sempre que estamos juntos o tempo passa a correr.
Foge das mãos a uma velocidade incontrolável.
Parece que não dá pra nada!
E quando temos mesmo pouco tempo, como hoje,
é como dar um doce à criança pra tirar logo de seguida!!
Mesmo assim, podem ser apenas uns minutos, mas que sejam.
Saberá sempre a pouco... mas o sabor que fica em mim será sempre doce.

1 Vizinho(s) mais amarelo(s):

Velho Anónimo disse...

Como te compreendo Pérola...
Já experimentaste comer um doce todo de uma vez? O que te fica quando gostas mesmo do doce? Vontade imediata de comer outro, e outro... até que enjoa, até que perde a doçura...

Às vezes, aos bocadinhos, às migalhas devagarinho, o Doce torna-se enorme, torna-se o doce preferido, torna-se o o doce de uma vida...