Lago

Incrível como apesar de toda a confusão, de todas as emoções , na nossa vida conseguimos ter momentos de rara calma. Momentos de paz. Momentos de puro prazer.
Sente-se o sol de fim de tarde a dourar as faces, a deixar sem ver os olhos que ficam mais claros... Saboreiam-se as palavras trocadas , roubadas, sente-se o sabor do que fica por dizer... Sente-se a aproximação não contida, o toque desejado, a marca profunda que fica... No final percebe-se que os pés conseguiram palmilhar trilhos sem medo, sem ver bem por onde iam... Porque independentemente do caminho queriam estar ali, apenas ali! No meio do lago...
Sem dar conta os minutos passam e mais coisas ficam. Fica mais um abraço perfeito. Fica mais um momento gravado no silêncio.
Depois de lutas interiores, batalhas de vontades, sente-se paz.
No dia das mentiras há verdades que têm que ser ditas!

3 Vizinho(s) mais amarelo(s):

Anónimo do meio disse...

(...)

ML disse...

Muito bom...

Pérola Negra disse...

ML: Muito bom mesmo!

Anónimo do meio: (...)