You are my SunShine

Hoje acordei com esta música na cabeça e que ainda anda a laurear na minha mente.
Costumava cantar esta música na escola. Todas as sextas tínhamos uma espécie de encontro, onde a escola toda se reunia para encerrar a semana. Era giro, as meninas ficavam de um lado do auditório e os meninos do outro. E ás sete da manhã lá estávamos todos aprumados com a nossa farda azul de colarinho aos quadradinhos, imaculada. Afinava-mos as gargantas e ouvíamos o sermão do 'Principal' (reitor da escola). Hilariante, parece tudo tão distante, mas ao mesmo tempo ao ouvir esta melodia, tudo tão próximo do tempo em que pensava que tudo era possível; que os impossíveis eram impossível. No tempo em que os abraços eram sempre verdadeiros, sentidos, puros. Que as gargalhadas eram autênticas. Que as preocupações eram para adultos entediantes. E que o hoje era um futuro muito longínquo.
Estou assim com um sentimento reconfortante de nostalgia e com um sorriso estupidamente melancólico na cara.
Loucos anos 80. Oh… Yehhh!!! Those where the day’s.

Bibendum



2 Vizinho(s) mais amarelo(s):

Osga disse...

Farda na escola é muito kinky!

Li*Azevedo disse...

;)