Biting my nails

Será que vos custava assim tanto deixarem-me em paz, quando estou no meu canto, sossegada?
Será que vos custava assim tanto preocuparem-se mais comigo?
Será que vos custava assim tanto notar que não sou feliz assim?
Será que vos ia custar muito eu abdicar do vosso sonho?

E tu:
Entraste na minha vida, de rompante, sem perceberes os sentimentos que nutrias por mim e, sem me deixares respirar e sem me dares espaço, fizeste-me cair na tua rede... E agora? Será que estás pronto para me dar o que eu preciso?

E vocês:
Não posso ser sempre eu a ser tudo, a fazer tudo! Sabe bem o carinho vir em primeiro lugar desse lado... sabe bem não ter que dar o primeiro passo... sabe bem vocês já estarem do meu lado sem ser preciso eu chamar...

E posto isto:
Vou ali à janela dar um grito, alto e a bom som, digno de provocar uma avalanche na neve recém-caída... e dormir...

5 Vizinho(s) mais amarelo(s):

Maria Manuela disse...

Ok.... então até amanhã sim ...

Anónimo disse...

???
k raio de post é este, podes explicar??
*zykton

vício disse...

experimenta ir dormir primeiro e depois gritar!

Luny disse...

Maria Manuela,
And today is another day :)

Zykton,
É um post-grito! Lol... foi só um desabafo!

Vício,
Fiz melhor! Gritei, dormi e tornei a gritar ;)

zita disse...

As vezes as pessoas gostam tanto duma k pensam k os sonhos delas sao compartilhados por essa pessoa!!e axam k so lh tao a fazer bem, acabando por nao lhes dar espaço!!o k teras k fazer é dizer-lhes o k escreveste.sim?:)