Espero pelo comboio que me vai levar a uma nova vida...
Espero, espero e espero...
Mas o comboio tarda em chegar...
E, no entretanto da espera,
Esta vida fica parada,
E a nova fica a aguardar,
Que seja do próximo comboio que eu me vá apear...

3 Vizinho(s) mais amarelo(s):

Vício disse...

já ligaste á CP?

zita disse...

ai mulher escreves tão bem!!!!bjoca

Luny disse...

Vício,
Já tentei, mas ng atendeu... terá sido por ter ligado a hora do almoço?!

Zi,
Dizes isso dumas linhas, quando escrever o livro não tens elogios que cheguem, loool! Obrigada :-)*