- [...]Há a noção de que o EU e o TU deixam de existir e passamos a ser um NÓS. E o NÓS é um bocadinho fusional de mais.

- Estamos reféns da ideia de que o amor perfeito é o fusional.

- Mas não é. [...]
E tenho dito...

2 Vizinho(s) mais amarelo(s):

alguém+ neste mar de gente disse...

exactamente... daí tanta ciumeira e possessividade que anda por ai. há muitas pessoas que, infelizmente, acham que têm de pensar como uma só, sem pereberem que querem apenas que a companheira/o pensem como ele/ela. só de pensar nisso já me ponho indisposta.

paddy disse...

Pois, não é não. Mas quase.